Capa » Resenhas » De Volta Para O Brasil (livro 2) – Nathália Laryssa do Amaral | Resenha
De Volta Para O Brasil (livro 2) – Nathália Laryssa do Amaral | Resenha

De Volta Para O Brasil (livro 2) – Nathália Laryssa do Amaral | Resenha

Seguindo a linha do suspense leve e descontraído, a escritora Nathália Laryssa do Amaral acaba de publicar De Volta Para O Brasil, novela que dá continuidade ao livro O Mistério dos Clark. Com mais essa aventura, a autora consegue expandir os horizontes de sua protagonista e criar oportunidades para uma possível série de novas histórias no futuro.

Depois de tudo o que aconteceu nos Estados Unidos envolvendo seus vizinhos, os Clark, Sarah e a família resolvem voltar para sua casa no Brasil. Quando a menina finalmente acha que voltará a ter uma vida normal, um novo mistério surge: ela começa a encontrar peças de xadrez e pichações que fazem referência ao jogo aonde quer que ela vá. Nesse momento, seu instinto de detetive fala mais alto e ela inicia uma investigação que pode mudar o rumo de sua vida.

A narrativa mantém o estilo do primeiro volume, com o relato em primeira pessoa da protagonista sobre os acontecimentos. Somos apresentados às situações sob o ponto de vista de uma adolescente carismática que tenta ser uma estudante comum, mas está fragilizada pelas mudanças repentinas na sua vida. Assim, Sarah continua com seu jeito de narrar os fatos como se estivesse conversando com os leitores e isso torna a leitura ainda mais agradável. Somente em poucos momentos surgem algumas expressões que não soam naturais na linguagem escrita, porém nada que comprometa seu relato.

O mistério a ser solucionado dessa vez conduz a personagem por caminhos inesperados e surpreendentes. A autora escolhe um ponto de virada ousado e revela um fato sobre Sarah que fará total diferença para o amadurecimento da personagem e para as obras que muito provavelmente virão em seguida.

Um ponto que vale ressaltar é que, assim como no primeiro livro, a leveza e a descontração da trama são a prioridade. Tendo isso em consideração, a leitura é muito mais proveitosa, visto que algumas situações são solucionadas de forma aparentemente fácil e simples demais. Se fosse um romance policial complexo e repleto de personagens, essa facilidade seria um problema, mas não é o caso aqui.

De Volta Para O Brasil, mais do que uma sequência, é um passo além para as narrativas de suspense que Nathália do Amaral vem escrevendo. Com os rumos escolhidos é natural esperar (e torcer) para que mais histórias protagonizadas pela personagem sejam publicadas.

A pré-venda do livro já começou! Adquira seu exemplar no site da editora Palavra & Verso

Conteúdo relacionado:

Sobre Mozer Dias

Engenheiro civil, resenhista e podcaster. Sou apaixonado pela exatidão dos números e pela subjetividade das palavras. Penso que qualquer pessoa pode se aventurar por esses dois mundos, até porque foram as palavras que me apresentaram aos números e daí nasceu essa relação singular. O primeiro livro que li foi “O Homem que Calculava”, do autor Malba Tahan, que narra história de Beremiz Samir, um árabe com um dom inacreditável para a matemática e uma sabedoria que transcendia a mera racionalidade fria e impessoal. Sendo assim, é esse equilíbrio que busco para minha própria vida: fazer poesia com números e letras, mantendo sempre o coração aberto para a subjetividade que há nas entrelinhas e extrair disso o melhor que eu puder.