L&P | Bye Bye My Love

L&P | Bye Bye My Love

Nunca terei coragem de contar: essa semana sonhei que um ataque terrorista reduzia a pó esse aeroporto, nossa segunda casa. Como eu desejei um plantão de notícias a atrapalhar nosso pão de queijo e impedir seu embarque. Eu deveria me envergonhar, eu sei. Mas é feio dizer que eu não ligo?

Você é proteção até no jeito de enxugar as lágrimas que parecem combinar pra me fazer passar vergonha durante as despedidas com as quais já deveria ter me acostumado. Ser teimosa como uma porta às vezes me faz esquecer de que entrei nessa relação sabendo o que me esperava. E que te esperar faria parte de nós dois.

Para uma pessoa sensata que diferença faz mais um abraço apertado, um avião que leva a saudade, o sonho de gente que troca sua passagem por uma vida nova, uma viagem planejada ou que simplesmente volta para a casa que ainda não pode deixar? Como você, meu estrangeiro que não teve medo de desbravar um território desconhecido que eu chamava de coração.

Não preciso mais te pedir desculpas por esses pequenos destemperos, pelo pedido que não faço com a boca, mas com os olhos, a pele, o corpo. Prometo um dia te beijar e apenas dizer: go, I´ll be waiting for you.  Me perdoa se demorar?  Não precisa responder agora.

Enquanto isso, aqui continuo, na imensidão do Brasil que nos separa, de mãos dadas com a vontade de largar tudo e te encontrar, te viver, te habitar. Porque quando você vai para o outro lado do mundo leva na bagagem tudo o que eu entendo por amor.

 

Débora

A autora

Débora Consiglio é de Jacareí/SP. Professora de Inglês e escritora nas horas vagas, já participou de duas antologias: Amor nas Entrelinhas (pela editora Andross) e Amor é Morte (organizada pela escritora Ro Mierling). Possui textos publicados nas páginas Ingênua, Não Sou Exposição e My Little Garden of Ideas. Além disso, mantém textos autorais em sua página no Facebook. Bye Bye My Love é sua segunda participação no L&P

 

Veja aqui a primeira participação de DéboraOs Bêbados Somos Nós

Se você tem um conto ou poema e também gostaria de publicá-lo no Leituraverso, entre em contato conosco. Saiba como consultando o regulamento.

 

Sobre Mozer Dias

Mozer Dias
Engenheiro civil, resenhista e podcaster. Sou apaixonado pela exatidão dos números e pela subjetividade das palavras. Penso que qualquer pessoa pode se aventurar por esses dois mundos, até porque foram as palavras que me apresentaram aos números e daí nasceu essa relação singular. O primeiro livro que li foi “O Homem que Calculava”, do autor Malba Tahan, que narra história de Beremiz Samir, um árabe com um dom inacreditável para a matemática e uma sabedoria que transcendia a mera racionalidade fria e impessoal. Sendo assim, é esse equilíbrio que busco para minha própria vida: fazer poesia com números e letras, mantendo sempre o coração aberto para a subjetividade que há nas entrelinhas e extrair disso o melhor que eu puder.

Nossos Parceiros